10 de dezembro de 2012

Pessoal tudo bem com vocês Yumeiros?

Espero que sim, bom a pausa continua o tempo esta corrido, mas a partir do dia 16 de dezembro terei uma folga maior, dai poderei escrever mais vezes no blog, peço desculpas, e rogo paciência para aguardar novas resenhas, e talvez debater sobre algum tema, abraços a todos e fiquem com Deus.

15 de novembro de 2012

Rei dos Piratas





Olá Yumeiros, tudo bem com vocês?

Bom, a postagem de hoje, é sobre um dos animes de maior sucesso no Japão. Se chama One Piece. O mangá sempre que sai um capítulo novo, vende milhares de cópias. Os filmes lotal os cinemas. Então estamos falando de uma franquia de grande sucesso. E devemos tudo isso ao mangáka, Eichiro Oda. Para quem não sabe mangáka, é a pessoa que desenha mangás ^_^ , são nossos heróis, afinal de contas, senão fosse por eles não teríamos tantas coisas a ler, assistir, e a aprender *_* .

Bom vamos a resenha:

Monket D. Luffy, é um menino de 17 anos, muito arteiro, e que sonha em se tornar o Rei dos Piratas e encontrar o grande tesouro "One Piece" que se encontra perdido, esse tesouro pertenceu ao meior pirata de todos os tempos Gol D. Roger, e está na Grand Line. Quando era garoto, acidentalmente come a Gomu Gomu no mi (fruta da borracha), que é uma Akuma no mi (fruta do demônio), em que adquire a habilidade de esticar todo o seu corpo, como uma borracha. Essa fruta era para ter sido comida por Shanx, seu amigo e pirata, mas como aconteceu isso, dai já viu né. Um dos únicos defeitos dessa fruta, é que quando se come você afunda no mar, não consegue nadar de forma alguma, o corpo pesa como chumbo, e senão tomar cuidado, acaba indo dessa pra melhor. E é o que ocorre com Ruffy(forma como o japonês pronuncia), e é salvo por Shanx, que perde um braço para salvar o garoto, pois além de estar se afogando, aparece um enorme monstro para devorá-lo. Esse é o início da saga. No decorrer das temporadas, mais nakama(companheiro em japonês) se juntam ao Ruffy. Primeiro é o Roronoa Zoro, espadachim exímio, que luta com 3 espadas, depois Nami, que é obcecada por dinheiro. Daí entra o Usopp, que é um tremendo mentiroso e negativista. Sanji, que é um maravilhoso cozinheiro, e super tarado, kkkkkkk. Tony Tony Chopper, que é meio rena, meio humano, ficou assim após comer uma akuma no mi, é médico fascinante. Nico Robin, que é uma arqueóloga e fanática por mistérios.  Franky é ótimo em construções e consertos e é quem constrói e dá o Sunny, navio da tropa. E por último, Brooke, um tripulante, que comeu uma akuma no mi e não pode morrer, seu corpo é osso puro, e tem um cabelo afro super engraçado, é um bom espadachim e o principal, músico.

Bom não sei se a sequência está correta, e se estiver errada já peço desculpas. As aventuras são muitas, entrando em perigo, rindo muito, e se divertindo.
Esse anime tem um peculiar traço, que muitos até consideram plagiado por Fairy Tail. Eu não concordo muito com isso, mas vá lá.
O que me faz rir nesse anime, são os personagens cômicos e doidos, cada um com seu jeito e estilo de ser, sempre nos tirando um sorriso ao menos.
Com esse anime aprendi a nunca desistir dos sonhos que almejamos. Animes tem essa peculiaridade, nos ensinam coisas importantes na vida, que devemos sempre aprender.

Outra coisa interessante, é que nem o mangá e nem o anime terminaram até agora. Não demorará muito para o anime alcançar o número 600, então é até uma aventura para assistir também, kkkkkkk, e ler o mangá, é claro.

Bom galera vou ficando por aqui, não sei quando volto porque irei viajar, se der posto algo, senão paciência para me esperar, kkkkkkkkk. Bjos a todos e fiquem com Deus.

P.S.: Fiquem com a primeira abertura do anime, é a minha favorita *_* :

http://www.youtube.com/watch?v=I7AhdLZpEgY

13 de novembro de 2012

Sen to Chihiro no Kamikakushi



Olá Yumeiros queridos!!!

O tema de hoje é bem interessante, pois abordaremos um filme de grande sucesso, vencedor do Oscar de 2002, e que conquistou e cativou o mundo todo.
Estamos falando de A viagem de Chihiro, dirigido pelo magistral Hayao Miyazaki, que é dono do Studio Ghibli, um dos mais famosos do Japão, senão o mais famoso. Esse studio é responsável por filmes maravilhosos, dentre eles Tonari no Totoro, em que temos o personagem Totoro, que se tornou o símbolo do studio (eu ainda terei uma cama em formato de Totoro *_*, kkkkkk).

Bem, vamos a resenha do filme:

Chihiro, é uma menina que está se mudando para uma nova cidade com seus pais, e está muito chateada por ter ido embora da sua antiga cidade e da sua escola anterior. Seu pai que está dirigindo para chegar à casa nova, acaba por errar o caminho e vai parar em um local estranho e misterioso. Ao entrar nesse lugar, percebem ser uma antiga estação de trem, e uma espécie de "parque temático", em que percorrem um caminho de pedras até chegar ao tal "parque". Eles decidem explorar o local e descobrem que ele ainda funciona, e sentam-se somente o pai e a mãe que começa a comer a comida de um restaurante. Chihiro está muito assustada com aquilo tudo, pressente algo estranho no ambiente, ela se encontra com um rapaz, que diz que ela deve ir embora imediatamente. Ao correr e buscar os pais, ela descobre que eles viraram porcos. Assustada, foge, mas é impedida pelo rio que aumentou repentinamente suas águas (local onde antes era o caminho de pedras), e ao ver um barco aportar descobre que o "parque" é na verdade uma casa de banho para deuses. Aos poucos, Chihiro começa a desaparecer, nesse momento o menino de antes aparece e a ajuda. Muitas coisas acontecem, no começo vemos uma Chihiro mimada e muito, muito medrosa. Mas aos poucos isso muda, e é maravilhoso ver como ela progride. Vou para por aqui, porque sinceramente vale muito a a pena assistir.

O que sempre me atraiu nos filmes do studio Ghibli, são os personagens, eles "crescem" como pessoas, eles amadurecem, aprendem que precisam mudar interiormente para conseguir solucionar seus problemas. Outra coisa que amo nesses filmes são os cenários, maravilhosos, vívidos, e cheios de detalhes. A cada filme me surpreendo com o studio Ghibli porque sinceramente, nunca vi nada parecido com o que eles fazem, são realmente únicos e sem igual.
Sou suspeita para falar do filme, mas assistam se não o viram ainda, acreditem em mim, vale a pena.

O próximo post será sobre um anime que faz tremendo sucesso no Japão, voltei a assisti-lo recentemente, e sinceramente não sei quando acabará. Seu mangá é o mais vendido nas terras niponicas. Infelizmente aqui o anime recebeu tratamento horrível, sendo modificado de forma grotesca. O mangá não faz tanto sucesso quanto no Japão, mas ainda assim agrada os fãs. O personagem principal é fácil de fazer cosplay. E ai alguém se arrisca a tentar descobrir de que anime estou falando?

Bom galera fiquem com Deus e até uma próxima.

8 de novembro de 2012

Pikachu, eu escolho você!!!




Olá Yumeiros!!!

Quando se pensa em um anime de sucesso, e que está a anos na tv, no mercado editoral e principalmente no mercado de games, acho que não poderia deixar de falar de Pokémon.

Para quem não sabe Pokémon (vem de Pocket Monsters = Monstros de Bolso ^_^) iniciou como jogo, com a versão Blue e Red (os gráficos eram só de uma cor e você mal distinguia os personagens, sim joguei muito Red e Blue :D) . Diferentemente dos animes, a origem de Pokémon são dos jogos, e depois virou anime e mangá. Ou seja não iniciou no mangá, depois anime e consecutivamente jogos, como tradicionalmente ocorre.
Até hoje no Japão é a franquia de jogos que mais se vende. São tantos jogos que sinceramente não sei qual a versão atual e se souberem gostariam que comentassem no meu blog. Depois com o decorrer dos anos os jogos passaram para versão em gráfico 3D, onde você até enxerga a cor do cabelo da pesonagem, detalhes do pokémon, entre outras coisas, kkkkk. É engraçado eu dizer isso mas para aqueles que tiverem curiosidade pegue Pokémon Blue e comparem com Pokémon White ou Black por exemplo, daí vocês entenderão o que quero dizer.
Atualmente são  493 pokémons, e com tendência a aumentar cada vez mais, visto o sucesso da franquia.
O anime chegou em 1998 no Brasil, através da Rede Record na TV aberta e pelo Cartoon Network, tv a cabo. A série está na rede TV, e o Catoon passa de vez em quando, nos dias atuais. As primeiras temporadas se concentraram no Tooncast, canal pertencente ao Cartoo Network, em que se passam desenhos antigos de Hanna-Barbera, como Manda-chuva, Pepe Legal e Babalu, Dom Pixote, Zé Colméia e Catatau, entre muitos outros, além de He-man e She-ra.
No Brasil atualmente o que mais alavanca esses bichinhos são realmente os jogos, que conquista milhares de fãs a cada nova geração. Pelo fato de ser RPG, onde você é um treinador, e sua missão se tornar campião, além de percorrer inúmeras cidades, ganhar insígneas e claro capturar e treinar pokémons, ufa é muita coisa, o sucesso se deve a histórias e gráficos diferenciados, personagens não relacionados ao anime (as vezes eles aparecem, mas não o tempo todo :P). Os jogos tem realmente gostinho especial. Sou fã do jogo, e isso é fato, atualmente jogo a versão Pokémon Soul Silver, que é a remasterização da versão Silver de muitos anos atrás com diferenças notadas desde a abertura do jogo até o fato do gráfico ser maravilhoso *_* (como eu disse você percebe todos os detalhes dos pokémons, personagens, etc).

Bem vamos a sinopse do anime?


Ash (Satoshi no Japão), é um garoto da cidade de Palett, que mora com a mãe. E finalmente ao completar 10 anos, ele ganha o direito de obter um pokémon do Professor Carvalho (Yukinari Ōkido-Hakase, em japonês) para viajar pelo mundo como treinador Pokémon.

Contudo Ash está tão empolgado em ter seu primeiro pokémon, que dorme super tarde, e acorda atrasado. Ao chegar ao laboratório, todos os pokémons já foram levados, o que o entristece muito, contudo o Professor afirma que tem um, mas ele é de personalidade difícil. É um Pikachu, um rato amarelo, de bochechas vermelhas, e que é fofo demais, ele não gosta de ficar na pokébola, dando um belo de um choque em Ash ao se conhecerem. No começo as coisas ficam complicadas entre os dois, ambos são teimosos, mas aos poucos vão mudando, amadurecendo e se tornam amigos inseparáveis. No decorrer da jornada, Ash conhece Misty e Brock, companheiros dentro da jornada, ela quer ser a melhor treinadora de pokémons aquáticos do mundo, ele o melhor criador de pokémon do mundo. Temos a Equipe Rocket que são os inimigos, composta de Jesse, James e Meowth, que tentam a todo custo roubar pokémons, em especial o Pikachu.

Essa sinopse é da primeira temporada. E ocorre na época em que haviam apenas 151 pokémons, contando os raros, como Mew e Mewtwo. E com o decorrer do tempo Ash viaja para outras partes do mundo, trocando seus pokémons no decorrer do tempo, menos o Pikachu é claro. E uma coisa que sempre intrigou a todos, desde a primeira vez que assistimos à primeira temporada. Por que Ash nunca cresce? Bom sinceramente há fatos nessa vida que não podemos explicar, kkkkkkkkk.


Pergunta!

De todos os pokémons existentes qual o seu favorito?

Bom o meu é o Lugia que apareceu pela primeira vez no filme Pokémon 2000 (sim, temos filmes além das séries, mangás e games).


Bom galera, espero que tenham gostado, comentem e falem de suas experiências com Pokémon. Aguardo comentários. Bjos a todos e fique com Deus.


O próximo post será sobre um filme de animação do grange Studio Ghibli, quero trazer um pouco desse universo de Hayao Miyazaki para vocês, porque além de ser um universo único, é de uma cativação e emoção fora de série. Não vou revelar qual dos filmes será, mas é um dos meus favoritos. E ai alguém se arrisca em tentar adivinhar? Bjos a todos. E fiquem com o vídeo da primeira abertura de Pokémon:


http://www.dailymotion.com/video/x3b5j7_pokemon-1-abertura-em-portugues_news

3 de novembro de 2012

Pride and Prejudice




Olá Yumeiros!!!

Bom vamos a nossa publicação de hoje. Foi muita correria essa semana, tentarei melhorar com relação a quantidade de postagens. Bom eu coloquei o título da obra em questão em inglês, afinal de contas ess obra tem como casa a Inglaterra, foi publicada pela primeira vez em 1813, ou seja, nem é antiga, sua "mãe" é nada mais nada menos que nossa querida Jane Austen. A tradução no Brasil ficou como 'Orgulho e Preconceito'. Esta obra já teve várias peças de teatro, além de seriado pela BBC e um filme que foi feito em 2005 e que eu adora e que teve a Keira Nightly como a nossa fofa Elizabeth Benett. Descobri recentemente que em Oxford University tem estudos sobre as obras de Austen. 
Estou lendo atualmente a terceira obra: Abadia de Northanger, muito bom, vale a pena investir nas obras dessa autora quando se gosta de romances de "época", bailes, vestidos e romances de fazer suspirar.
Até hoje mulheres do mundo todo suspiram pelo Sr. Darcy, eu mesma o faço, que homem mais maravilhoso. Isso não quer dizer que homens não possam ler, sinceramente não digo isso, eu os incentivo a ler, até mesmo para quem faz curso de História por exemplo ou pretende fazer, para quem gosta de romances históricos, é um maravilhoso aprendizado.

Bom, e então vamos a nossa resenha?

Temos a família Bennet, como foco, que moram em um propriedade chamada Maryton: Temos o pai, Senhor Bennet, a mãe Sra. Bennet, a irmã mais velha Jane, Elizabeth (que é nosso foco maior), e as outras irmãs, que sinceramente o nome não nos convém tanto.

As irmãs adoram ir ao baile, quando ficam sabendo da chegada do Sr. Bingley a cidade, ficam alvoroçadas, afinal ele é rico, bonito e um excelente partido, e a melhor parte solteiro. Aqui também conhecemos sua irmã, e nosso querido Sr. Darcy. No começo as coisas ficam empolganes, Jane passa a gostar do Sr. Bingley e vice-versa. Elizabeth tenta se aproximar do Sr. Darcy, mas ele tem uma personalidade difícil. Há viagens para vários lugares, mais bailes, e muitas, muitas, muitas reviravoltas...
Aos poucos vemos nessa história, contradições, romances inusitados, vários personagens adentram da história como a detestável Lady Catherine.
Mas o mais interessante nessa história é observar como a trama se entrelaça com foco em Elizabeth e Darcy, quem será o preconceituoso e quem será o orgulhoso. 

Sinceramente vou me ater a isso o livro além de detalhista eu estraria toda essa trama envolvente e maravilhosa que nos encanta a tantos anos. Vale a pena comprar, há editoras que possuem a versão pocket, então não sai caro, por menos de 20 reais você compra o livro.

As outras obras da autora são: Persusão, Razão e Sensibilidade, Mansfield Park. Abadia de Northanger e Emma.

Então meus queridos amigos, leitores e afins, não se esqueçam, o amor como é mostrado por Jane é puro, não tinha sexo, não tinha cenas de beijos de novela, não tinha nada disso, o que se valorizavam eram os olhares, os pequenos toques, entre outras coisas. Aproveitem e curtam essa obra. Beijos a todos e fiquem com Deus.

Bom vamos a dia da próxima semana: É um anime que está a mais de dez anos no ar, possui jogos, pelúcias, brinquedos de todos os tipos, na verdade ele iniciou como jogo, e há também o mangá. Ah! sim um dos protagonistas é um rato amarelo fofo demais.... Acho que falei demais, kkkkkkkkk. Beijos a todos e se cuida.

28 de outubro de 2012

MERUPURI



Yo! Yumeiros, como vocês estão?

Esse é o apelido de um mangá lançado pela Panini no Brasil, o nome original é Märchen Prince, ou Maruhen Purinsu, se preferirem. Esta obra é um dos destaques de uma autora muito querida, mas que é mais conhecida por sua outra obra e que ainda está sendo lançada no Japão, Vampire Knight, seu nome é Matsuri Hino.
Eu sempre gostei de ler trabalhos da autora, li 3 completos, e Vampire estou esperando acabar para ler, é chato você esperar pelo próximo capítulo. Lembrando que estas 3 obras completas e mais Vampire foram lançadas pela Panini, não é Merchan, é apenas a realidade. Outra obra que gostei muito foi Destino Cativo(foi assim que traduziram a obra), possui 5 volumes, e é maravilhos.
O que me chamou a atenção de Hino-san, foi seu traço marcante, olhos arredondados, com sombreamento diferenciado, a arte dela é muito boa e conquista para aqueles que são amantes de traços shoujo ou mesmo, amantes dos desenhos fabulosos dos mangákas.
Bom vamos então a nossa sinopse?

Aili Hoshina é uma menina de 15 anos, que sonha em conhecer alguém, ela conhece Alan, mas este tem um problema, além de morar em reino encantado, o que já é difícil para nossa heroína acreditar, ele ainda foi enfeitiçado por seu irmão mais velho, e se tornou uma criança. Muitas confusões ocorrem, principalmente quando Aili resolve acolher o príncipe em sua casa, já que está constantemente sozinha por seus país viajarem muito. Aos poucos Aili e Alan se aproximam mais, e um vai descobrindo mais e mais um do outro, principalmente Aili sobre a família real, suas problemáticas, principalmente na questão de sucessão do trono.

É uma história de contos de fada, mas muito fofa, vale a pena comprar para ler, além do mais são apenas 4 volumes, então nem fica caro assim ^_^

Vale a pena explorar o universo de Hino Matsuri, seus traços, suas histórias, são realmente maravilhosas e envolventes, e muito engraçadas.

Bom vamos a nossa dica da próxima postagem. Está obra é do séc. XIX, seu país de origem é a Inglaterra, sua autora escreveu outras obras, e o mais interessante de tudo, este livro já virou peça de Teatro, Série de Tv e filme, as mulheres em especial adoram sua obra. Acho que facilitei demais, espero respostas nos comentários sobre qual será o próximo tema da minha postagem.

Outra coisa mesmo para aqueles que não leram ou assistiram sobre animes, livros e mangás que postei, comentem por exemplo se leria a obra, se achou interessante, se assistira tal anime, ou leria tal mangá, gostaria de saber a opinião de vocês. Abraços a todos e fiquem com Deus.

25 de outubro de 2012

A Lenda dos Guardiões



Olá Yumeiros, tudo bem com vocês? Espero que sim.
Bom a coleção de livros que abordarei hoje e que infelizmente ainda não está completa se chama A Lenda dos Guardiões.
Atualmente no Brasil está em seu oitavo volume, sendo ao todo quinze, isso mesmo você não leu errado, são 15 volumes. Bom a editora que lança essa coleção super legal, é a Fundamento, especialista em livros infantis, infanto-juvenis e juvenis, é o maior foco deles atualmente.
Bom deixando o merchan de lado, kkkkkkkkkk, a história tem como foco as corujas, amo demais essa saga por isso. Tenho que admitir que li somente até o quinto livro, então meu foco será no primeiro volume da série que diga-se de passagem virou filme.
Sempre que posso entro no site da editora e vejo como estão os lançamentos, e aguardo sempre ansiosa para saber como está o andamento da coleção. 
Bom vamos a nossa sinopse, e quem sabe a maioria deixe de pensar que corujas servem apenas para carregar cartas e pacotes de encomendas, kkkkkkkkkkkk.

Nosso personagem principal é Soren, uma coruja filhote, do tipo Torre-de-Igreja(o livro nos traz uma variedade imensa de raças de corujas, o que achei fantástico *_*). Que mora com o pai, a mãe, o irmão mais velho, e a irmã que no começo da história é um ovo, e depois choca para chegar ao mundo das corujas, e dentro da casa ainda temos uma cobra cega, que cuida da limpeza da casa, e que é um personagem querido dentro dos livros, e peço perdão por não lembrar o nome. Além disso, Soren sempre ouviu de seu pai a história dos Guardiões, guerreiros poderosos e com incríveis habilidades que protegem o reino das corujas, mas claro é apenas uma lenda. Tudo corre bem na casa, os pais saem constantemente para caçar, e trazer ratos gordos e saborosos para as corujas, expelem pelos e ossos, quando mais velhos, através de suas moelas (o que achei mais interessante dessa saga, foi também ver todo o processo de hábitos pertinentes as corujas que desconhecia totalmente e que a autora traz com muita dedicação, para que aprendamos sobre o universo dessas aves). O que Soren não esperava era que quando seus pais saíssem em nova caçada, ao olhar pelo buraco da árvore, onde ficava seu ninho seria jogado de lá, e por alguém que nunca, jamais sonharia que faria isso, seu irmão. E que infelizmente, naquela situação, seria capturado e levado para o Acampamento dos órfãos, onde conheceria Gylfie, sua melhor amiga, e que teria experiências horrendas deste acampamento, que no começo, pensa ser bom, mas aos poucos vai descobrindo que é um verdadeiro pesadelo. Soren quer sair o mais rápido dali para voltar para casa, e descobrir porque seu irmão fizera aquilo. Será que escaparão desse lugar amaldiçoado, será que conseguirá reencontrar seus pais? Realmente é uma aventura fora de série...
E claro além de tudo isso conhecermos o universo das corujas, os animais são "humanizados" como acontecem em muitas histórias, ou seja, personagens animais com características humanas, o que é muito interessante e maravilhoso de se apreciar.

Este meus amigos é apenas o começo da história e quero deixá-los curiosos, para que corram a livraria mais próxima e adentrem no universo dessas corujas super fofas e inteligentes. 
Os volumes dos livros são curtos, o primeiro não chega a 200 páginas, mas isso não quer dizer que seja ruim por ser curto, mas pelo contrário, nos faz querer ler mais, para saber qual será o destino final de Soren e todas as aventuras. Não citei os outros personagens, a não ser Gylfie porque quero mesmo que leiam.
Agora devo confessar não vi o filme, e não sei se conseguiu ser fiel ao primeiro volume, sinceramente, livros são sempre melhores que filmes.
Bom meus queridos, espero que tenham gostado da história, e os tenha incitado a ler essa saga maravilhosa.

Bom vamos a dica de nosso próximo post: Estamos em um reino mágico, em que um príncipe resolve explorar a Terra, obviamente Japão, mas sofre um feitiço que o deixa criança, e ele conhece uma humana, que o ajudará... Acho que já falei demais. Lançado pela Panini, muito fofa a história, é Shoujo. Será que já descobriram? Aguardo respostas, bjos a todos e fiquem com Deus.

22 de outubro de 2012

Le Petit Prince




Olá Yumeiros!!!

Vou tentar postar de 1 a 3 vezes por semana. Bom o nosso assunto de hoje para alguns é considerado infantil, esta obra, mas para mim o autor escreveu com o intuito que quando os pais lessem as histórias para seus filhos, percebessem as metáforas e refletissem acerca daquilo que era falado. Atualmente é isso que penso, pois ao ler O Pequeno Príncipe, percebi rapidamente que a depender da idade da criança não entenderia o livro( me refiro a crianças pequenas de quatro e cinco), o que já faz refletirmos que o alvo maior de Antoine é e sempre foram os adultos, principalmente aqueles que deixaram seu lado criança desaparecer...

Vamos a resenha:
O Pequeno Príncipe moro em um pequenino planeta, onde cuida dele com muito carinho, além de um amor incondicional por sua rosa que é especial, afinal de contas não é todo dia que podemos conversa com uma rosa e ela nos responder.
O Principezinho de seu planeta, resolve viajar para conhecer o mundo, vai conhecendo novas pessoas, e claro, vamos apredendo com eles sobre inúmeras coisas.
O planeta que ele finalmente chega é o Nosso, nele ele conhece um piloto, se tornam amigos, e um vai aprendendo com o outro. Até que o príncipe precisa retornar nesse planeta.
Não vou me alongar na sinopse, primeiro porque o livro é curto, segundo porque se eu for falar todas as metáforas, o livro perderá o sentido de ser lido e refletido, portanto meus amigos, curtam essa viagem, que foi escrita a tanto tempo e que até hoje cativam pessoas do mundo todo.
Atualmente O Pequeno Príncipe possui um desenho animado, em formato 3D, e que está fazendo o maior sucesso no Discovery Kids, para quem quiser assistir, o horário é: todas as sextas-feiras, às 20:00 (horário de Brasília). Bom o desenho não segue o livro, mas sim a essência e personagens dele. Ou seja as histórias são totalmente diferenciadas, mas personagens e as mensagens continuam.

Dados interessantes tirados do site oficial brasileiro do Pequeno Príncipe sobre o livro:
          O Pequeno Príncipe é o terceiro livro mais vendido do mundo. Possui cerca de 134 milhões de livros vendidos em todo mundo, 8 Milhões só no Brasil e foi traduzido em mais de 220 línguas e dialetos.
          É um dos personagens mais famosos e queridos de todos os tempos, que empolga crianças e adultos com ensinamentos inesquecíveis. Sua história deixa marcas pela forma simples de suas mensagens de otimismo, simplicidade e amor ao nosso planeta. 

Li esse livro recentemente, ano passado para ser mais exata, ou seja li ele adulta. E posso dizer incontestavelmente, que este pequeno rapazinho conquistou meu coração, ao terminar de lê-lo, pensei, nossa que coisa maravilhosa, um livro já com vários anos sendo publicado, conquistou meu coração e o de milhões, com palavras sinceras e amor no coração.
Antoine de Saint-Exupéry foi maravilhoso, nesse livro, acho que nem mesmo ele pensou no quão grande alcançaria as frases e quão impactaria a todos nós.
Hoje, temos loja oficial no Brasil e França, estátuas em homenagem ao autor e o principezinho, exposições sendo abertas anualmente, aqui mesmo no Brasil, tem ocorrido mesmo, é só acompanhar pelo site oficial.

Então para aqueles que não leram, não percam mais tempo, leiam, acreditem em mim, a leitura depois de adulto, será mais prazerosa do que quando criança, ao percebermos os detalhes, acredito que alguma coisa mudará no seu coração, afinal:

"Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas".

Então sejamos continuamente cativados pelo nosso querido Pequeno Príncipe.

O Próximo post será sobre uma história que virou filme, atualmente no Brasil está no seu 8º Volume, sendo 15 ao todo. E seus personagens principais são corujas, e ai acham que adivinham?
Aguardo respostas e comentários, bjos a todos e fiquem com Deus.

19 de outubro de 2012

Great Teacher Onizuka




Olá Yumeiros!!!

Quando eu vi esse anime pela primeira vez, eu ri demais, mas também pensei, cara esse personagem é sem noção.
É um anime que nunca foi exibido no Brasil, e o mangá que já foi terminado, sinceramente acho que nunca será lançado por aqui. O foco atual das editoras são sempre shoujos e shounens, nada contra, adoro esses estilos, mas títulos diferenciados, com certeza seriam bem-vindos. Nossa adoraria poder ler Nodame Cantabile (eu irei resenhar esse anime, que é muito bom), ou então Lovely Complex, que fala de complexos como o próprio nome já diz. Bom quem sabe as editoras ainda possam nos surpreender.
Bom, Great Teacher Onizuka, aborda um problema que não só ocorre no Japão, mas acredito no mundo todo, a relação aluno e professor. E mostra de forma interessante a educação no Japão, como  os alunos problemáticos são desprezados e a forma como há professores que se sentem superiores e melhores do que outros e do que os estudantes.
Bom em GTO, nós descobrimos no meio da série que é um delinquente, tem 22 anos e que a algum tempo pertenceu a um gangue, e que tem um grande amigo, isso na juventude de ambos. Onizuka quer se tornar professor, o que não é fácil, visto que digamos assim, ele não é muito inteligente, mas tem uma força de vontade estrondosa. No anime seu primeiro desafio é uma turma de alunos baderneiros e até alguns deliquentes, será que ele não se indentifica com eles? kkkkkkkkk.
Bom nada está indo bem, Onizuka é colocado numa sinuca de bico, pelos alunos, que passam a chantageá-lo, já que tiraram fotos propositais, como se ele estivesse tendo um caso com uma aluna (o que no Japão não é visto com bons olhos, sendo considerado imoral). Aos poucos Onizuka descobre que a aluna é assim (ela participou da foto comprometedora), pelo fato dos pais serem ausentes de sua vida, e não lhe darem a atenção que gostaria, o dinheiro tomou conta da mente deles, e isso não a agrada. Além do fato dos pais dormirem em quartos separados o que realmente é bem complicado. A cena mais marcante nessa "primeira fase" do anime, é quando onizuka vai até a casa da sua aluna e quebra a parede que ela tanto odiava e que separava os quartos de seus pais. Essa cena mostra o quanto Onizuka se preocupa com seus estudantes e mais ainda, a que ponto ele chega para fazer seus alunos serem mais felizes.
Outra cena memorável, é quando Onizuka é humilhado por uns alunos baderneiros, e estes se veem em perigo e Onizuka, digamos assim, dá uma lição neles, megulhando-os no lago como forma de tortura, hahahahaah.
Como eu disse esse professor é bem sem noção, mas desde o primeiro capítulo ele já nos cativa de tal forma que não dá para ficar bravo com ele.
Numa "segunda fase" ele vai para outra escola, em sua moto possante (ele só anda de moto, afinal era de uma gangue de motociclistas), e ai realmente as coisas ficam mais complicadas. Essa turma que ele pega para dar aulas, é muitíssimo pior que a anterior, dessa vez, Onizuka terá que usar todas as suas habilidades para conquistar a todos da turma aos poucos. Há o amigo do Onizuka, que infelizmente não lembro o nome, e que lhe dá suporte o tempo todo, e que era do tempo de gangue.
Fora que uma coisa muito hilária abordada no anime, é o fato do Onizuka ter 22 anos de idade e ainda ser virgem, as pessoas zoam muito ele por causa disso, :P
Esse anime, é divertido, engraçado, mas ainda assim nos faz refletir, sobre como é a educação em um país de primeiro mundo,e como podemos trazer esses ideais do Onizuka para a realidade. Como uma futura professora, pois quero muito dar aula, não agirei de fora louca como o Onizuka, mas esse espírito de querer ver seus alunos felizes e aprendendo, com certeza carregarei dentro de mim.

Quem não assistiu ao anime vale a pena, ele não é difícil de ser encontrado, e espero que se divirtam e reflitam.

O próximo post será sobre um livro publicado pelo mundo todo, sua origem é da França, e já foi traduzida em muitas línguas. Tem um menino, uma flor, um pequeno planeta, e uma rapasa, e muitos outros personagens. Acho que todos já sabem, bjos e até mais.

14 de outubro de 2012

E um dia, tudo que é bom, infelizmente tem que terminar...



Olá Yumeiros!!!

Chegamos a nossa etapa final de posts sobre os livros de Harry Potter, realmente foi uma jornada longa, acompanhamos o Harry por sete anos da sua vida, na verdade dez pela demora das publicações e lançamentos dos filmes, talvez até mais do que isso. E realmente ele fez parte da vida de muita gente, e da minha vida também. Quando li o último livro não pude conter as lágrimas, saber que não teria mais nenhum livro, não teria mais que aguardar ansiosa pela continuação, que aquela história fascinante de um bruxinho de 11 anos de havia conquistado o meu coração e o de muitos, realmente aquilo me deixou arrasada. Quantas vezes sonhei em estar naquele castelo, realmente foi um baque. Mas mesmo assim estava feliz porque tudo aquilo que não entendia sobre alguns personagens, os mistérios finalmente seriam solucionados, e isso me deixava feliz ao mesmo tempo.
Acho que muitos tiveram esse mistura de felicidade e de tristeza...

Bom vamos a nossa última sinopse:

O momento atual é de obscuridade, Dumbledore se foi, e com isso Hogwarts já não será a mesma. O Enterro é desolador. Harry que agora completa 17 anos, tem a maioridade dos bruxos, não terá mais a proteção mágica conferida à casa dos Dursley, estes fogem, enquanto Harry aguarda a chegada de todos para sairem dali e chegarem seguros à casa dos pais de Tonks (no filme é na Toca). Infelizmente nessa turbulência, morre Muddy, Edwiges (Hedwig, no orignal inglês) - só para constar esse livro, a autora foi apelidada com J. Killer, pelo fato de ter matado muitos personagens...
Ao chegar finalmente à Toca, depois de sairem da casa dos pais da Tonks, os três amigos, passados todos os percalços, recebem a visita do Ministro da Magia que veio ler o testamento de Dumbledore e entregar algumas coisas que ele havia deixado aos tês, e que são muito importantes, Os Contos de Beedle, o Bardo para Hermione; O apagueiro para Rony, o pomo de ouro que Harry pegou no seu primeiro jogo, e a espada de Griffindor, que está desaparecida.
A sede da Ordem da Fênix passa a ser a Toca, e no meio dessa "guerra" temos um momento de descontração que é o casamento de Gui (que em inglês possui outro nome) e Fleur. Mas infelizmente tudo é arruinado com um ataque dos comensais da morte. E no momento exato, Hermione, Harry e Rony desaparatam para um local que acham seguro.

Peço desculpas pela pressa, mas sabemos que não posso prolongar por demais nas resenhas, primeiro ficaria cansativo, e segundo e principal motivo, são muitos detalhes para se colocar do livro.

Eles percebem que agora as coisas realmente estão mais complicadas, a guerra está prestes a estourar e mais do que nunca, precisam deixar Voldemort vulnerável para ter uma chance de derrotá-lo.
Hermione como sempre precavida, já havia deixado tudo preparado para um caso de emergência.
A partir desse momento com a horcrux falsa do medalhão deixado por R.A.B, eles passam tentar entender quem é ele, e se ele realmente destruiu a horcrux verdadeira. Eles decidem ir à antiga sede da Ordem, a casa de Sirius, para terem uma noite mais confortável de sono, e tentarem dessa forma achar uma solução. É quando eles descobrem, que R.A.B., é Régulo Arthur Black, irmão de Sirius, e mais do que depressa eles buscam o elfo doméstico, Monstro, para obter informações sobre a horcrux. Eles descobrem que não foi destruido e que quem a pegou foi Mundungo Fletcher, que é trazido por Monstro e nosso querido Dobby. Eles tem que de alguma maneira recuperar o medalhão e descobrem estar com Dolores Umbrige, após uma arriscada estratégia, eles invadem o Ministério da Magia, e conseguem o medalhão, contudo na hora da fuga, Rony sofre um estrunchamento, pelo fato da aparatação não ter sido bem sucedida, e graças aos conhecimentos de Hermione recebe tratamento rapidamente. Mas isso é apenas o começo das preocupações e problemas dos três...
Após recuperar o medalhão, agora vem a problemática, como destruí-lo. E além do mais esse medalhão começa a trazer problemas, porque quem o usa, fica raivoso, com setimentos pesados e nagativistas. E por causa disso, Rony acaba brigando com Harry, e se afastando dele e de Hermione.
As coisas não vão bem, e Harry ao descobrir que Dumbledore morava na mesma região que seus pais, decide que é hora de retornar a Godric's Hollow, lá ele descobre o túmulo dos seus pais, e um outro que chama a atenção que é de 3 irmãos, os Peverel,  e que são fundamentais mais para frente e que tem um símbolo muito especial, que todos nós sabemos qual é.
Nesse momento aparece alguém famosa na literatura dos bruxos, Batilda Bagshot, que escreveu: Hogwarts, uma história. E que Harry vai atrás, pois acredita que pode trazer consolo sobre a perda de Dumbledore. O que eles não sabiam é que Matilda já havia morrido e Nagini, a cobra de Voldemort, estava no lugar dela. E quase que se deram mal com toda essa confusão.
Ao continuarem acampando em vários lugares tentando despistar, Harry que está de vigia no período noturno, nota um patrono, que lhe parece muito familiar. Ao ir atrás do patrono, pára sobre as águas geladas de um lago, e vê algo brilhando ao fundo, e ao perceber é a espada de Grifindor, ele decide mergulhar para pegar a espada, e por culpa do medalhão que tenta enforcá-lo quase morre, e acaba sendo salvo por Rony.
Rony acaba por destruir o medalhão com a espada. E agora, eles tem que ir em busca das outras horcruxes, com as dicas que Dumbledore deixa para Harry, o próximo item, é nada mais, nada menos, que a Taça Helga Hufflepuff. Mas como saber onde se encontra...?
Infelizmente nossos heróis acabam capturados, e levados para a casa dos Malfoy, lá eles descobrem que a taça está no banco Gringotes, mas a preocupação maior é como sair da casa. É nessa hora que Dobby aparece para salvar o dia. Salvando não apenas Harry, Rony e Hermione, mas também Grampo, o duende que trabalha em Gringotes e que estava aprisionado por Belatriz. Mas infelizmente nessa incrível façanha, nosso querido elfo é morto, de forma muito triste e dolorosa.
A partir dai, começa outra façanha, com a ajuda do Grampo, que exigiu a espada como prêmio pela ajuda, pois acha que pelo fato de ter sido feita por duendes deve ser devolvida a eles. E acabam concordando. Não é nada fácil, Hermione se disfarça de Belatriz, com a ajuda da poção polissuco, depois de muitos problemas e percalços, conseguem pegar a taça e fogem no lombo de um dragão. E ao saltar dele, acampam novamente, e pensam onde poderá estar a próxima horcrux...
Nesse momento recebem uma ajuda inesperada, ao chegarem à Hogsmead, se trata de Aberforth, dono do Cabeça de Javali, e irmão de alguém especial, Alvo Dumbledore.
Harry tenta descobrir mais alguma coisa do passado do amado mestre, e consegue apenas coisas vagas. Eles encontram uma passagem secreta que leva a Hogwarts, ao chegarem lá, são ovacionados, como heróis. Mas ainda tem um grande problema, a horcrux, pois além de não saber qual é, não sabem onde está. A procura começa e logo enfrentam problemas, pois agora Snape é o diretor, e há comensais como professores... Realmente as coisas se complicaram bastante na nossa querida escola. Ao saber da chegada do Menino que Sobreviveu, alunos e professores, confrontam os comensais, e os expulsam da escola, e se preparam para enfrentar Aquele-que-não-deve-ser-nomeado. E enquanto isso, Harry procura desesperadamente a horcrux, Luna comenta sobre o Diadema de Rowena, mas onde ele poderia estar, somente uma pessoa poderia responder, o fantasma da Corvinal, que ele descobre ser filha da grande bruxa. Depois de muito persistir, descobre que ele está na Sala Precisa, bem escondido, e que o havia visto a muito tempo atrás, quando se livrara do livro de Poções do Snape. Agora é destruí-lo e para isso irão usar uma presa de Basilisco para se livrar da antepenúltima horcrux. E eles finalmente conseguem, falta pouco agora. Apenas Nagini, o próprio Lorde das Treva e o próprio Harry que se descobre horcrux, pois parte dos poderes, da alma de Voldemort, estavam dentro dele.
O confronto final se inicia, a Ordem se junta aos alunos e professores de Hogwarts, infelizmente tivemos perdas dolorosas, como: Tonks, Lupin, Jorge, entre muitos alunos.
Outro personagem importante que morre é Snape, mas antes de morrer, retira uma lembrança e coloca no frasco e entrega a Harry (e não uma lágrima como no filme, o que ficou sem nexo). Harry descobre que no passado, o professor de poções e sua mãe se conheceram antes de entrar em Hogwarts, e convivem na escola, ele na Sonserina e ela na Grifinória. Snape sempre nutriu um amor gigantesco por Lilian, mas nunca foi correspondido. E fica mais amargurado ao ver ela casada com seu maior desafeto. Ao descobrir que sua amada corre perigo de vida, Snape corre para salvá-la, mas chega tarde demais. A dor é incomensurável, e Dumbledore o convence a proteger o pequeno Harry que havia sobrevivido, graças ao sacrifício de sua mãe. E tudo o que Snape havia feito até aquele momento foi para proteger o rebento de sua amada. Harry fica sem palavras, nunca passou pela sua cabeça que seria assim...

Um pedaço importante dessa história são as relíquias, que nossos amigos descobrem ser o a Varinha das Varinhas, a Capa da Invisibilidade, e a Pedra da Ressureição. Todos pertencentes à Família Peverel. A Varinha está em posso de Voldemort, a Capa pertecen a Harry a muito tempo, e a pedra, encontrava-se escondida dentro do pomo. Aqui percebemos depois de muito tempo que Harry era descendente do irmão caçula dos Peverel, afinal de contas a capa da invisibilidade havia sido passada de geração em geração na sua família, a do pai James (esse é o nome correto do pai do Harry), para ser mais exata.

Voltando ao confronto, Harry decide ir atrás de Voldemort, afinal pela profecia, sabemos que um deles terá que morrer, e ele sabe que essa luta não pode ser mais adiada. Ao chegar o embate começa. e depois de muitos problemas, Voldemort pensa que matou Harry, mas o menino não morreu, o tempo todo estava amparado por sua família, e descobre que está tudo bem. Ao fingir morrer, é carregado por Hagrid até o castelo, e todos ficam desolados achando que o Menino que Sobreviveu, não sobreviveu (trocadilho infame, kkkkkkkkkkk).

A luta final realmente começa, e o que não se esperava é a destruição da varinha, um lança Avada Kedrava, o outro Expeliarmus, e ai acontece uma das partes mais emocionantes. Neste momento Harry reencontra seu amado mestre numa estação de trem, toda esbranquicenta, ambos sentam-se num banco, e as perguntas que antes fervilhavam a cabeça do garoto, agora poderão ser respondidas.
A primeira, é uma muito interessante, acho que todos nós faríamos, "Eu morri"? O amado mestre responde que não. E as perguntas sucedem. Descobrimos um pouco mais sobre o passado de Dumbledore, que não esconde, que muitas coisas o faziam se arrepender de ter feito, principalmente com relação a sua irmã Ariana. Os que não sabem essa parte, sugiro que leiam o livro, essa parte para mim foi a mais linda e emocionante, esse encontro no além, entre mestre e aluno, foi de fundamental importância para entendermos muitas coisas.

E ao final a grande guerra termina, com Harry vitorioso, e o mundo finalmente pode ter a almejada paz que desejava.
Voldemort, já não ameça a vida de ninguém...

Muitos anos se passaram, Harry e Gina se casaram e tiveram filhos, muitos filhos pelo jeito, kkkkkk. Rony e Hermione também se casam e tem filhos. Descobrimos que o novo Diretor de Hogwarts, é nosso querido, Neville. Os casais levam seus filhos a Estalçao King's Cross, para as aulas na famosa escola de bruxaria.
E Harry a muito tempo não sente nem mais dor e nem mais formigação em sua cicatriz...

Realmente a história teve um lindo final. Ainda inssisto, os que não leram os livros, leiam, vale mais a pena que os filmes, são mais detalhados. Vale a pena, podem ter certeza.

Vamos a nossa última pergunta? Vocês concordam com o fato de terem havido tantas mortes no último livro?
Na minha opnião por mais que seja a guerra, por exemplo matar Tonks e Lupin, que formaram um casal e tiveram um filho, e o deixaram com os pais de Tonks foi difícil de não ficar condoída com essa situação... Então não sou a favor não...

Bom a dica para a próxima postagem, é de um anime que nunca foi exibido no Brasil, mas que trata da história de professor, muito doido e que na minha opinião tem uns parafusos a menos, kkkkkkkkk. Seu apelido é GTO, e ai? Acho que facilitei demais, bjos a todos e até a próxima postagem.

8 de outubro de 2012

A sombriedade só aumenta...



Olá Yumeiros!!!!

O penúltimo livro da saga - Enigma do Príncipe - que na minha opnião ficou com a tradução um pouco diferente, porque traduzindo ao pé da letra, seria Princípe Mestiço. Mas ainda assim é um excelente livro. Vamos a resenha dele?

Bom o mundo está com problemas, após a invasão dos comensais ao Ministério, o mundo mágico não está mais seguro. Cornélio Fudge não é mais o Ministro, e sim Scrimgeour. Este decide falar com o primeiro ministro britânico para alertá-lo de que precisa se precaver contra o Lorde das Trevas e seus seguidores.
Longe dali vemos Narcisa e Belatriz chegando a casa de alguém que todos nós sabemos que sempre andou em cima do muro, mas que pelo jeito já estava do lado errado a certo tempo. Me refiro a Snape, e estas vão visitá-lo, pois Narcisa está preocupada com seu filho, Draco, e roga a Severo para cuidar dele, pois este tem uma missão que precisa cumprir, pois se der errado poderá ter problemas. Então realizam os voto perpétuo, pois se ele descumprir o voto, irá morrer.
Nesse ponto Harry se encontra com Dumbledore, pois precisa da ajuda de Potter para trazer o novo professor de Poções, Horácio Slughorn, pois este adora alunos "celebridades" e nada melhor do que o Menino que Sobreviveu, para convencer o professor, pois ele terá um importante papel para desvendar este mistério que se iniciou e que já sabemos qual é.
Ao voltar para Hogwarts vemos algumas mudanças, como o cargo de Professor de Defesa contra a Arte das Trevas, que agora está no comando de Snape.
Com as notas NOM's, Potter pode tentar o cargo almejado de auror, e com a saída de muitos jogadores de Quadribol, este se torna o Capitão do Time da Grifinória. E adivinha quem irá tentar a vaga de goleiro? Nosso querido Rony. E consegue, e Gina se torna artilheira. Muitas mudanças vão ocorrendo na escola.
Nesse livro também temos uns casais bem inusitados, como Rony e Lilá, Dino e Gina. Harry se descobre apaixonado por Gina, mas reprime seus sentimentos pelo fato dela ser irmã do seu melhor amigo.
Harry passa a frequentar o escritório de Dumbledore, para juntos iniciarem uma jornada para entendimento do passado de Tom Riddle e dessa forma achar uma solução para como derrotá-lo e é nessa parte que Slughorn tem tanta importância.
Juntos, descobrem a existência das Horcruxes, e descobrem aos poucos quais são, como por exemplo: o diário de Tom e o anel que Dumbledore destruiu, e que infelizmente causou um dano gravíssimo em sua mão.
Após passar algum tempo, Dumbledore descobre onde está outra Horcrux, e pede para Harry auxiliá-lo a pegar a peça. Realmente é uma parte incrível tanto no filme quanto no livro. E finalmente a obtém com muito custo.
Ao retornarem para Hogwarts, Harry tenta procurar ajuda para Dumbledore, mas este o impede e pede para se esconder é quando aparece Draco, seguido de Snape. E para surpresa geral e revolta de muitos, Snape mata Dumbledore, deixando um vazio no coração de todos os que amavam esse sábio, e às vezes doidinho, professor.
Agora a batalha final se aproxima, e o desenrolar da trama está para terminar, aguardem o último poste dessa maravilhosa saga, e comentem o que acharam do post, um beijo a todos e fiquem com Deus.

Em minha opinião foi um livro dolorido de se ler, porque Dumbledore é o meu personagem favorito, aprendi coisas interessantes e importantes com ele, e quando li sobre sua morte, não consegui segurar algumas lágrimas, tive que ler e reler, até me dar conta de ele tinha ido para "outro lugar".

O livro da última saga será de vital importância para entendermos todo o enredo dessa saga maravilhosa, aguardo a visita e comentários de vocês.

De todos os feitiços que vimos até agora, qual deles é o que vocês gostam mais?

Em minha humilde opinião EXPECTO PATRONUM... Este feitiço é especial porque ele representa um sentimento forte de felicidade, ou seja, não é fácil de fazer, mas quando se consegue é porque as coisas que antes pareciam tristes e difíceis, não o são mais...

Beijos e fiquem com Deus.

29 de setembro de 2012

A profecia que não foi ouvida...



Tudo bem com vocês Yumeiros?
Espero que sim :D

Bom, hoje faleremos do quinto livro da saga - Ordem da Fênix - este com certeza foi marcante para muito, houve a primeira morte do livro(nesse caso me refiro a um personagem marcante), o primeiro namoro, a Armada de Dumbledore, a Ordem da Fênix, uma nova professora, e muitas coisas interessantes.

Bom vamos a nossa sinopse:

Harry ainda sofre pelo ocorrido com Cedrico, e os pesadelos são constantes desde o retorno de Vocês-sabem-quem. E ainda está chateado por Rony e Hermione não mandarem cartas para ele, o que o angustia ainda mais. Neste episódio acontece algo realmente perigoso, após dar uma volta pelo bairro onde mora, Harry é defrontado por Duda, e este o "enche o saco" de todas as formas possíveis, até que não aguentando saca a varinha, e neste momento aparecem os horríveis dementadores. Harry conjura o Patrono e consegue escapar. O que surpreende Potter é a chegada de Senhora Figgs, falando de Mundungo Fletcher(esse aqui é um dos mais traiçoeiros bruxos pelo fato de não ser confiável e estremamente medroso). Harry descobre que a Senhora Figgs está a mando de Dumbledore, vigiando Harry constantemente, e este descobre que ela é um "aborto" (bruxos que nascem sem poderes mágicos). Harry recebe uma carta dizendo que foi expulso de Hogwarts, por uso do feitiço do patrono. E o desespero bate dentro de seu peito, afinal Hogwarts sempre fora para sua casa. Depois recebe outra carta falando de uma audiência que ocorrerá no Ministério da Magia.
Harry acaba sendo buscado por Moddy, Lupin e Tonks, que o levam a casa de Sirius que se tornou a sede da Ordem da Fênix. Lá briga com Rony e Hermione por não mandarem cartas, e estes explicam que não podiam pelo fato de que Dumbledore os proibiu e que poderia ser interceptadas.
Harry é absolvido na audiência.
Ao voltar a Hogwarts, tem a ingrata surpresa de conhecer Dolores Umbrigde, que passa a ministrar Defesa contra as Artes das Trevas. Ela aplica métodos teóricos e todos sabemos que essa matéria deve ser aprendida na prática. A professora persegue Harry por ele espalhar que Voldemort voltou e aplica castigos cruéis. A partir dai, Hermione junta um grupo com outros alunos que estão interessados em aprimorar feitiços de defesa, para se prepararem contra o Lorde das Trevas.
Nesse entremeio, Harry passa a namorar Cho Chang, mas realmente as coisas são bem conflituosas, principalmente pelo ciúmes que ela sente de Hermione.
Nesse entremeio, Voldemort quer descobrir a verdade por trás da profecia que foi revelada a 15 anos atrás, e pretende de todas as formas possíveis entrar no Ministério da Magia para obter essa profecia.
Após inúmeros contratempos, Harry através de um sonho salva o Senhor Weasley de ser morto.
E num outro momento tem um sonho em que acha que Sirius fora capturado, e que precisa salvá-lo a todo custo. A armada parte montada nos testrálios para chegar ao Ministério.
Ao saber do ocorrido, Dumbledore e toda a Armada vão atrás para evitar maiores desastres.
Infelizmente nesse entremeio de disputas e batalhas, um dos personagens mais queridos, e que infelizmente não foi tão explorado quanto deveria morre, nosso amado Sirius Black. Esse com certeza foi um momento triste para Harry, afinal fora o primeiro "parente" a se importar com ele, e aquilo lhe abre uma ferida no peito.

Realmente muita coisa acontece nesse livro, é o maior entre todos, contendo 702 páginas, então meus amigos tentei resumir da melhor forma possível a história, o que não é nem um pouco fácil, acreditem.

Bom, vamos a nossa pergunta do dia: Qual dentre os animais fantásticos que aparecem na saga completa de Harry Potter vocês mais gostaram? Ex: Testrálios, corujas, sapos, ratos, hipogrifos, se lembrarem mais algum outro fiquem a vontade para falar.

Bom no meu caso sempre tive queda por corujas, e quando vi Edwiges, e sua coragem e doçura, e me deu um aperto no peito por sua morte, realmente uma coruja maravilhosa e fora de série, adoraria ter uma igual.

Bom galera espero que tenham gostado, desculpem pela demora em postar novamente e se Deus quiser amanhã teremos mais.

24 de setembro de 2012

Love's in the air...





Hello My dears Yumeiros \o/

Quando li o quanto livro - Cálice de Fogo - fiquei feliz, pois ficamos sabendo que não havia somente Hogwarts como escola, havia a Durmstrang, e Beauxbaton. E até o Brasil é citado como tendo uma escola (acho que sou trouxa, senão já estaria nessa escola a muito tempo *_* kkkkkkkkkk). Bom sonhos a parte, vamos lá Yumeiros a mais uma resenha desse fantástico mundo.

Harry agora tem 14 anos, está feliz por ter o padrinho livre, e poder manter contato com ele, mas sempre com cuidado, pois ainda é um foragido. Harry vai para Toca, encontrar Rony e Hermione, estão impolgados, pois vão para a final do Campeonato de Quadribol, Irlanda x Bulgária. Lá aparece pela primeira vez, Victor Krum. Outros personagens importantes, como Bartolomeu Crouch, surgem rapidamente. Infelizmente, após uma partida eletrizante (e para o meu desgosto, teve apenas uma apresentação rápida, dos mascotes do time, pronto, que decepção, é a melhor partida de todos os tempos :D )Bom dai, aparecem os comensais da marte, seguidores de Vocês-sabem-quem, para bagunçar o torneio, além do aparecimento da marca negra (marca tatuada nos comensais e símbolo Daquele-que-não-deve-ser-nomeado), e deixar todos muito preocupados, além de haver debandada geral do acampamento em que se encontravam. Pulando esse triste episódio, nos dirigimos a Hogwarts, o anúncio de Dumbledore (meu personagem favorito), de que haverá o Torneio Tribruxo, com o apoio do Ministério da Magia. E juntamente com Hogwarts, mais três escolas concorrerão pela tão sonhada taça de campeão, o que com certeza traz muitos prestigios para a escola. Ao anunciar essa competição, somente aqueles maiores de 17 anos poderão concorrer, o que deixam muitos alunos se sentindo injustiçados.
Neste livro entram personagens muito interessantes, alguns que continual até o final da saga, outros que somem sem deixar rastro, vamos a eles:
Alastro olho-tonto Moody - ex-Auror, e designado a pedido de Dumbledore para o cargo de professor de Defesa Contra as Artes das Trevas.
Victor Krum - apanhador da Bulgária, e concorrente no Torneio Tribruxo.
Igor Karkaroff - Diretor de Durmstrang, ex-Comensal da morte.
Fleur Delacour - aluna e concorrente pela Beauxbaton.
Madame Maxime - Direitora de Beauxbaton.
Bartolomeu Crouch - Trabalha para o ministério da magia
Bartolomeu Crouch Junior - Comensal da morte, que ajuda de todas as formas possíveis para o retorno de Voldemort.
Cedrico Diggory - aluno e concorrente no Torneio Tribruxo por Hogwarts.

Todos os concorrentes colocam seus nomes no cálice, e os que citei acima, são selecionados e ovacionados, contudo o que ninguém esperava era o fato de que Harry Potter entraria também no torneio, o que causa um alvoroço danado, e que complica e muito a vida do garoto.
As tarefas são bem complicadas, enfrentar dragões, entrar no lago e salvar o amigo, e o principal o labirinto que ao final tem a taça.

O que não poderiamos imaginar é que tudo isso levaria ao retorno de Voldemort, graças a esperteza de Crouch Junior, e que com isso o mundo mágico corria riscos inimagináveis novamente. Além da morte de Cedrico, muito lamentada por todos.

O livro tem seu lado sombrio, mas também tem o lado romântico, como o fato de Harry se apaixonar por Cho Chang. Victor Krum e sua queda por Hermione, o ciúmes de Rony... como diz o título, Love's in the air...

Bom pessoal por hoje é só, espero que tenham gostado e comentem. Aqui vai uma outra pergunta, se tivessem estudando em Hogwarts, qual matéria vocês acham que iriam gostar mais?

Bom no meu caso, acho que Feitiços, hehehe, e vocês?


Beijos a todos e fiquem com Deus...

22 de setembro de 2012

Excto Patronum





Olá Yumeiros!!!

E vamos ao terceiro livro dessa saga maravilhosa - Prisioneiro de Azkaban.
Dentre todos é o meu favorito. Neste percebemos que Harry está crescendo, afinal já está com 13 anos. Ainda enfrenta problemas com os tios, o que não esperava era aguentar a irmã do Tio Valter durante as férias de verão. Realmente tudo se complica quando Harry lança um feitiço e faz a mala sem alça inchar feito balão. As coisas se dificultam, e por achar que será expulso de Hogwarts, ele foge da casa dos tios, e ao se deparar com um estranho bicho, parecendo um cachorrão enorme e perigoso, Harry levanta a sua varinha para enfrentar a fera, e quando menos se espera, surge um ônibus muito doido de vários andares. Este é nada mais, nada menos que o Noitebus andante. O Shunpike, que é cobrador do ônibus, pergunta se Harry vai subir ou não, e sobe, ao adentrar no veículo mente sobre quem é, e vê o local abarrotado de bruxos esquisitos de todos os jeitos que possamos imaginar.
Harry descobre que um bruxo perigoso chamado Sirius Black conseguiu fugir de Azkaban, e que é extremamente perigoso.
Shunpike pergunta para onde vai, e finalmente chegamos ao Beco Diagonal...
Para surpresa de Harry, Cornelio Fudge, Ministro da Magia, o aguardava e o repreendeu por sair de forma a deixar todos preocupados, afinal Sirius está solto. O que deixa o menino que sobreviveu com a pulga atrás da orelha.
Harry passa vários dias no Beco, encontra Hermione e Rony lá. Depois seguimos para Hogwarts.
Esse ano temos matérias novas em Hogwarts: Adivinhação (esta matéria tem uma professora chata, Sibila Trelawney, mas que faz importantes revelações a cerca do futuro de Harry e Voldemort).
E trato das criaturas mágicas, ministrado por nosso amigo querido, Hagrid. Em sua primeira aula conhecemos os hipogrifos (metade águia, metade cavalo). Atentem para Bicuço, que também tem papel fundamental na história.
E a chegada do nosso querido Remo Lupin, que Harry descobre com satisfação ser amigo de seus pais. E que ministrará Defesa contra as artes das trevas.
No terceiro ano, alunos podem visitar Hogsmeade, povoado próximo à escola com excelentes lojas como a Dedos de Mel.  Harry não tem autorização e só consegue ir com sua capa da invisibilidade e claro um maravilhoso presente dado por Fred e Jorge, o Mapa do Maroto, que tem papel fundamental nesse livro.
Harry infelizmente descobre que Sirius matou seus pais e Pedro Pettgrew. E se voltou para o lado do Lorde das Trevas. Isso o revolta com toda a certeza. Mas será que ocorreu assim mesmo?
 Surge também os dementadores, criaturas más, que sugam a felicidade das pessoas e são os guardiões de Azkaban. Eles vigiam a escola constantemente, e dizem que um beijo deles é mortal...

Bom pessoal só lendo ou relendo o livro para embarcarmos nessa maravilhosa aventura, muitos mistérios, e a história tem um tom mais sombrio na minha opnião.

Uma curiosidade - Quando Rowling criou os dementadores, foi baseado no que sentimos quando tempos depressão, ou seja a falta de felicidade. Ela criou estes seres baseados na sua própria experiência quando teve depressão em certa altura da sua vida.

Bom pessoal aguardo comentários, e espero que tenham gostado da sinopse.
O próximo livro vocês já sabem qual é, então é só aguardar pela nova postagem.
E EXPECTO PATRONUM.

****Ah meus amigos, respondam uma coisa, se vocês realizassem um feitiço do patrono, qual animal você acha que seria?
Respondam nos comentários, ficaria feliz em saber. Até breve...

21 de setembro de 2012

A lealdade dos que estão na Grifinória




Olá Yumeiros!!!

Bom continuando o post sobre Harry Potter - agora falaremos sobre o segundo livro - Câmara Secreta. Neste, temos Harry de volta a casa de seus maravilhosos tios(só para constar estou sendo sarcástica), estes estão dando um jantar para fechar um negócio importante. Mas o que Harry não esperava é conhecer um pequeno, mas muito querido Elfo Doméstico, chamado Dobby. Este pequeno ser, quer porque quer que Harry não retorne para Hogwarts, pois lá corre risco de morte, e a criatura mágica irá fazer de tudo quanto é possível para proteger o menino que sobreviveu.
Após o fiasco do jantar, causado por Dobby, Tio Valter prende Harry em seu quarto. Este no meio da noite escuta um barulho estranho, e de repente se vê frente a frente com 3 cabeças ruivas dentro de um Ford Anglia, que vieram resgatar o pobre menino. Rony, Fred e Jorge estranharam não ter notícias de Harry e vieram resgatá-lo o que foi feito de maneira magistral.
Ao chegar a "Toca", é assim chamada a Casa dos Weasley, Harry nota como o mundo mágico é incrível, panelas que se lavam sozinhas, um relógio fabuloso onde mostra onde cada Weasley se encontra. Após alguns dias na casa dos Weasley, todos vão ao Beco Diagonal fazer compra dos materiais para o novo ano letivo em Hogwarts. Eis que conhecem o famoso escritor e bruxo, Gilderoy Lockhart (só para constar mesmo no livro eu detesto esse cara, eta professor que se acha ultima bolachinha do pacote :P). E ao comprar os livros, encontram com Draco e seu pai, Lucio(ou Lucius, em Inglês :D), Harry percebe que de forma furtiva ao confrontar o Sr, Weasley. põe algo suspeito no caldeirão de Gina (lembrem-se dessa parte, porque aqui está a chave para todo o mistério que vemos no livro e no filme) No livro se demora um pouco mais a perceber o diário.
Temos novas criaturas mágicas (uma em especial, que tem papel especial nesse livro), aulas, aventuras e claro muito perigo.

Um ser estranho ronda Hogwarts, que petrifica as pessoas, aqueles que já leram o livro e viram o filme, já sabem que criatura é. Mas vou frisar isso constantemente, para aqueles que leram o livro sempre são privilegiados com mais informações, geralmente não colocadas nos filmes e que trazem um sabor especial à leitura.

Aqui fiz um rápido resumo, afinal não dá para contar o livro inteiro por mais que eu tenha vontade. Gosto de deixar um gosto de leitura ou releitura, para que aqueles que não leram essa maravilhosa saga tenham a oportunidade de explorar esse mundo fantástico criado por Rowling.

Espero que tenham gostado do resumo, aguardo para o próximo post. Este com certeza será mais especial ainda, pois aqui teremos a entrada de um personagem querido, e que mudou a vida do Harry.

Bom fiquem com Deus e até a próxima.

18 de setembro de 2012

Wingardium Leviosa





Olá Yumeiros!!!!

A partir de hoje darei início a uma série que marcou a minha adolescência e a minha vida para sempre, como mencionei no meu segundo post, esta série me fez amar a leitura, e acho que é mais do que merecida a homenagem e claro discutirmos um pouco sobre os livros e dar umas pinceladas nos filmes, que não deixam de ser fantásticos também.

Bom o primeiro livro da série é: Harry Potter e a Pedra Filosofal. Foi lançado na Inglaterra em 1997, e no Brasil em 2000. Foi traduzido pela Lia Wyler, que traduziu todos os livros da saga. Possui 264 págias e foi lançado pela editora Rocco. Em 2001 foi lançado o primeiro filme de Harry Potter.

Bom e ai vamos a história, acho que todos já estão cansados dela, mas acreditem, vou repetir isso mais uma vez, nenhum livro é igual ao filme.
Harry na história aparece com 10 anos, conta sua vida, antes da mudança. Como sempre é maltratado pelos tios e principalmente pelo primo. Uma das cenas mais interessantes, é a de quando ele acidentalmente ao fugir do primo e da sua gangue(sim o Duda tem companheiros no livro, no filme eles são cortados), ele vai parar no telhado da escola em que frequenta. Harry nunca entendeu o por que de fazer essas coisas, isso sempre martelou na cabeça dele...
Vamos dar um pequeno salto na história...
Um dia ao recolher a correspondência da família, ele recebe uma carta com lacre em cera vermelha, e com o desenho de um brasão, ele estranha, afinal nunca recebera uma carta antes em toda a sua vida :´( . Bom o tio ao perceber de onde viera a correspondência, passa a tentar se livrar das cartas de todas as maneiras possíveis, até que eles vão para em um chalé, no fim do mundo. Quando finalmente aparece à entrada da cabana, nosso querido Hagrid, trazendo a carta que Harry finalmente põde ler, e descobrir sua verdadeira origem, além do que ocorreu com seus pais. Hagrid, o leva ao Beco Diagonal (outra parte interessante, Hagrid dá Edwiges de presente de aniversário a Harry, isso no filme não fica subtendido). Harry conhece Malfoy na hora de comprar suas vestes de bruxo (no filme só se conhecem em Hogwarts). Enfim, vocês notam que as diferenças algumas são pequenas, mas outras cruciais para entendimento do enredo.
Enfim, Harry conhece Rony, no trem, ficam amigos. Hermione entra depois para o grupo, como todos já sabem. Depois de alguns percalços (o Trasgo Montanhês foi fundamental para selar a amizade deles) a amizade está formada. 
Este é a apenas o começo da aventura. Todos sabemos da Pedra Filosofal (aqui entra a questão da Alquimia e Nicolau Flamel), dos Unicórnios, do Fofo (que remete a Cérberus - cão de três cabeças que guarda o portão do Hades - olha a mitologia grega ai), e como Aquele-que-não-deve-ser-nomeado quase ressurge com a ajuda de Quirrel, e que foi impedido por Harry e sua coragem inabalável.
Realmente uma história que começa com um bruxo que se descobre bruxo, e que percebe que o mundo mágico tem muito a revelar, primeiro por Voldemort ser ruim pra chuchu, como seus pais morreram, a magia que antes desconhecida e que aos poucos passa a ser melhor compreendida, ou seja quanto mais aprendemos sobre magia, mais vemos que tem muito a se descobrir. Por isso os outros livros são fundamentias para esse entendimento.
Esse livro é o introdutório do mundo mágico, como os bruxos se escondem dos trouxas, como funciona a Escola. E a cada livro descobrimos mais e mais sobre isso.
Eu poderia ficar horas aqui escrevendo sobre o livro, mas eu quero dar a oportunidade para aqueles que não leram o livro ou que leram apenas uma vez, para notarem o quão diferente podem ser os livros e os filmes, e o quão eles podem ser ricos também.
Uma pergunta, no filme Hermione ganha 50 pontos pela Taça das Casas, mas alguém sabe que feio ela fez, qual a tarefa que ela realizou, e que o filme cortou bruscamente, deixando quem não leu o livro no vácuo? Pois é meus queridos, só lendo para descobrir, ou relendo para relembrar.

Bom a saga é longa, são 7 livros, então acredito que o próximo post vocês já sabem....

Até mais galera, comentem, e acrescentem informações que achem relevantes para que possamos produzir discussões saudáveis e sem agressões.

Fiquem com Deus... e até mais...

17 de setembro de 2012

Série Os Olimpianos



Hello Yumeiros!!!!

Quando pensamos em Mitologia Grega, automaticamente nos remetemos ao passado, isso é óbvio, lembramos das histórias de Héracles (Hércules para os Romanos), Os deuses do Olimpo, grandes feitos, entre outros.
Os mitos tiveram grande importância naquela época, pois era a forma com que se explicavam fenômenos como tempestades, estações do ano, maremotos, entre outros. Os gregos eram muito criativos, e isso temos que dar o braço a torcer.
O que mais me admira é até hoje estudarmos sobre essa mitologia, além é claro, dos ensinamentos de grandes filósofos como Sócrates, Platão e Aristóteles, que são os três maiores da época. E ensinamentos de matemática são aplicados até hoje (nunca entendi Teorema de Pitágoras ou de Tales, afinal matemática nunca foi o meu forte :P).
Mas agora paremos para pensar numa situação. Já imaginaram, se esses deuses existissem na atualidade, e ainda interferissem na sociedade "humana", como sempre fizeram, sem que ao menos nos déssemos conta disso. Eles estariam infiltrados entre nós, como meros mortais, além é claro de outras criaturas.
Seria uma loucura concordam????
É essa a temática de Rick Riordan aborda, nessa série fantástica, nomeada de, Os Olimpianos, o primeiro volume entitulado: O ladrão de raios - virou até filme (diga-se de passagem um verdadeiro fiasco, afinal modificar demais o enredo, pode gerar prejuízos bem grandes). Mas enfim, a série tem início nesse volume citado acima, que começa da seguinte forma:

Percy Jackson, é um menino de apenas 12 anos, que vive mudando de escola, por ter problemas como hiperatividade e dislexia. Mora com a mãe, e infelizmente com o padrasto que inferniza a vida de ambos. Na escola ele tem o seu melhor amigo, Grover, que tem problemas nas pernas e anda de muleta (prestem atenção nessa informação, ainda mais para você que decidiu ler o livro, o que eu considero uma sábia escolha). Percy não vai muito bem na escola pelos problemas que tem, e a cada ano que passa só piora. Ele se dá bem com apenas um professor, o Sernhor Brunner. As coisas vão indo tranquilamente, quando ao fazerem um passeio escolar, Percy é atacado por nada menos que a sua professora, que descobriu-se ser uma Fúria, as coisa realmente se complicam para o lado do garoto. O que Percy, não sabia, é que pelo fato dos raios de Zeus (sabe aquele que ele sempre joga nas tempestades, só pra fazer a gente ter medo e quase nos matar do coração? Esses daí mesmo) foram roubados. Então todos acusam o pobre garoto do feito. Mas o que Percy tem a ver com tudo isso, o que está acontecendo com ele?

Bom se vocês querem mesmo saber meus queridos, recomendo que busquem os livros para ler essa emocionante saga de ficção e que vale muito a pena, pois você aprenderá mitologia grega de um jeito muito divertido e com certeza único.

Ao todo são compostos de 5 livros (que são: Ladrão de Raios, Mar de Monstros, A batalha do Labirinto, Maldição do Titá e O último Olimpiano - todos lançados pela Editora Intrinseca), sendo que um especial, que traz informações dos personagens e uma pequena história, sem muita influência nos outros livros.

Pelo que soube há uma continuação. Eu não a li ainda, mas assim que ler com certeza estarei aqui para comentar e dizer o que achei.

Para aqueles que como eu amam Mitologia Grega, aqui vai duas dicas de livros preciosos e que com certeza vale a pena ler:
Gui Ilustrado da Mitologia - Editora Zahar - Aborda várias Mitologias, não só a grega, temos a Romana, Egípcia, Japonesa, entre outras. É um pouco caro, mas a qualidade do livro, das fotografias e pelo conteúdo, vale a pena o investimento.
O livro de Ouro da Mitologia - Editora Ediouro - Esse já conta os mitos, mais voltado para a Grécia, além de trazer poesias que usaram essa mitologia, então vale para conhecimento histórico e poético :).


Leitura é sempre bom, de ficção, melhor ainda, e poder aprender algo que podemos trazer para nós, como a mitologia, fecha um ciclo fantástico de conhecimento. Afinal conhecimento nunca é demais.

Bom galera, por enquanto é isso, com relação ao próximo post, a dica é a seguinte:

Expelliarmus

Ficou fácil né, aguardo vocês e fiquem com Deus...

16 de setembro de 2012

Furuito no Basuket



 Quem leu o título deve pensar, mas heim? kkkkkkkkkkkk

E ai tubo bom Yumeiros???

Pois é esse título, está na forma como os japoneses pronunciam esse anime/mangá, lhe deram o apelido de FURUBA, o que já foi alvo de piadas de muitos brasileiros, eta povo de mente poluída >_< .
Mas enfim, o título correto é - Fruits Basket - o mangá foi lançado pela JBC, totalizando 23 volumes, e com relação ao anime este teve 26 episódios. A história é a seguinte:
Honda Thoru, é uma menina meiga e muito determinada, ela decide ir morar numa barraca (isso mesmo, vocês não entenderam errado), após o acidente que matou sua mãe, e não podia ficar com o seu avô porque este estava reformando a casa, e lhe pediu para procurar uma amiga para ficar temporariamente até as coisas se ajeitarem. O problema é que uma já tem a casa cheia demais, e a outra mora em um "apertamento" de um cômodo, então para não incomodá-las decide morar em uma barraca num terreno baldio. O que Tohru não sabia era que esse terreno pertence a família Sohma, que é rica e tradicional e esconde um grande segredo. Ao passar pelo terreno, Yuki e Shigure estranharam a barraca, quando dão de cara com a Tohru, e esta por estar em condições precárias, acaba ficando doente e desmaia (diga-se de passagem, além de estudar, ela trabalha meio período para pagar os seus estudos, eta vida difícil, heim Thoru :P). No final eles ficam com pena dela e acolhem na casa de Shigure, e ela passa a pagar pela hospedagem fazendo comida e limpando o local. Contudo o que Honda não sabia era que o segredo dessa família poderia trazer inúmeros problemas, não só a ela, mas a própria família também.

Querem saber o segredo? Se não querem parem por aqui a leitura ou pulem esta parte para continuar lendo a parte final. Se querem saber o segredo leiam, e aproveitem para ver o anime *_* .







Bom, é o seguinte, quando Tohru acidentalmente encosta em um membro da família Sohma de sexo oposto, ele se transforma em animal do Horóscopo Chinês (daí a dica que eu falei antes), e se o membro da família é feminino e encosta em um homem, acontece o mesmo. Então acredito que vocês podem perceber o quanto de confusão aguarda o anime e o mangá.

Infelizmente o anime deixa a desejar pelo fato de que, são apenas 26 episídios e fica faltando muitas coisas que só são supridas pelo mangá. Então, essa que vos escreve ao ficar decepcionada com o anime, que quando lançado, o mangá não havia sido finalizado; comprou os mangás para saciar sua curiosidade e ficar mais do que feliz com um final maravilhoso.

Cada personagem dessa história tem seus próprios dramas e problemas, daí porque a cada volume ou episódio eu ficava com os olhos cheios de lágrimas...

Tem pessoas que acham besteira você chorar por isso, eu não acho, pois por mais que seja ficcional a história, você pode pensar dessa forma: Eu tenho meus problemas, mas olhando essa situação ficcional, dá para imaginar que exitem pessoas que estão em situação pior do que a minha, e mesmo na vida real, nossos problemas podem parecer pequenos perto dos problemas alheios, e dessa forma enxugar as lágrimas e seguir em frente ^_ ^ .

Bom pessoal até a próxima e espero que tenham gostado da história, procurem informação a respeito, vale muito a pena investir no anime e no mangá.

Então vamos a dica do próximo assunto que tratarei na minha postagem:

É um livro...
Fala de Mitologia Grega...

Dessa vez acho que facilitei demais, kkkkkkkkkkkkkk.

Aguardo vocês Yumeiros, e fiquem com Deus.

14 de setembro de 2012

Chave que guarda o poder das trevas



Boa tarde Yumeiros!!!

E ai como estão todos? Como eu prometi hoje eu vou falar de um anime que passou em 2001. Possui 70 episódios, OVAs e dois filmes (os filmes foram ambos lançados no Brasil, vc podia comprar o seu na banca de revistas :P). Bom esse anime me marcou mais do que Sailor Moon (gostava da Sailor Jupiter, não sei por que). A história é a seguinte: Sakura Kinomoto, é uma menina alegre que mora com seu pai e seu irmão mais velho, tem uma queda pelo Yukito (ai ai ai Yukito, kkkkkk adoro isso) e a sua melhor amiga Tomoko. Quando estava em sua casa, ela ouviu um barulho estranho vindo do sótão e foi lá investigar. Viu um livro brilhar, o abriu e pegou a primeira carta que estava dentro dele, e leu: "Vento". Uma rajada forte de vento invadiu todo o sotão fazendo a maior bagunça e espalhando todas as cartas. Nessa hora, após passada a bagunça, surge um animal amarelo, cabeçudo, de olhos pequenos (mas muito fofo *_*), e cauda com pompom branco, ele se denomina Kerberus (Kero é o apelido que Sakura deu para ele), guardião do Livro e das Cartas Clow. Ao saber que todas as cartas "fugiram", ele nomeia Sakura, como: Sakura Card Captors, já que foi por culpa dela que as cartas escaparam.
Bom esse é o começo da história, ela passa por maus bocados, afinal capturar cartas com vida e personalidade próprias não é fácil.
Ela conta com ajuda de Tomoko que faz os figurinos (que são lindos demais *_*) e enquanto filma as façanhas de Sakura para assistir na sua casa (cada um com seus hobbies né :P).
Bom depois de algum tempo aparece o nosso querido Shaoran (no Brasil mudaram pra Shoran), que é descendente do Mago Clow e se acha no direito de ficar com as cartas.
E tem a mala sem alça da prima dele a Meiling, que diga-se de passagem não existe no mangá, que só aparece pra encher o saco mesmo :P.
Esse anime marcou tanto a minha época que quando soube que a Editora Conrad ia lançar os quadrinhos coloridos de Sakura contando os episódios e lançar as Cartas Clow a cada edição, realmente não pude resistir e até hoje tenho minhas cartas guardades que são o meu xodós, Guardo-as com carinho.
O mangá na época foi lançado pelo JBC, as autoras são nada menos que o CLAMP, e ao todo são 12 volumes, que a editora dividiu e os transformou em 24 volumes.
Atualmente retornaram com o lançamento no formato orginal, chamado Tankobon, com  12 volumes ao todo, e esta que vos fala obviamente não deixou a oportunidade passar e seu amado compra sempre que lança em Sampa, porque na minha cidade não chega muitos mangás >_< .
Esse anime estourou de sucesso, assim como o mangá. Hoje se você quer completar a coleção e não conseguiu comprar o primeiro volume, meu amigo, só tenho a lamentar por você. Como a editora não lançou mais o mangá, hoje é praticamente impossível comprar o primeiro volume daquela época, então quando você o encontra no Mercado Livre por exemplo, está ao preço exorbitente de 60 a 100 reais, podendo chegar a mais que isso. Então melhor comprar o da coleção atual, vai por mim, sai mais barato.
O CLAMP, grupo formado por 4 autoras, é muito famoso e respeitado no Japão e pelos fãs aficcionados de seu trabalho pelo mundo afora, vejamos alguns exemplos de outros mangás desse grupo:
Chobits, X-1999, Tokyo Babilon, XXX-Holic, Tsubasa Chronicle Resevoir, Guerreiras Mágicas de Rayearth entre outros (todos estes mangás foram lançados pela JBC, e todos viraram animes, o único que não tenho certeza é só Tokyo Babilon).
As histórias dessas autoras são sempre impolgantes, com traços maravilhosos, e enredo cativante. Vale a pena investir, se não for nos mangás, nos animes já seria um ótimo começo...
Bom meus queridos, vou ficando por aqui, espero que tenham gostado da postagem de hoje. Provavelmente não demorarei para postar novamente, meu próximo assunto será um Anime/Mangá que me marcou muito e que sempre que leio choro de emoção, com história envolvente, enredo fora de série, e que cativou pessoas pelo mundo afora, e claro o coração dessa de quem vos escreve.

Uma dica para aqueles que ficaram curiosos: Horóscopo Chinês.

Fiquem com Deus e até a próxima!!!!

Ah sim, já ia me esquecendo, esta é a abertura original em português do anime, para aqueles que quiserem matar saudades:

Abertura de Sakura Card Captors

13 de setembro de 2012

Harry Potter e o que mudou na minha vida




E ae Yumeiros!!!

Quando peguei Harry Potter pela primeira vez para ler, realmente eu não imaginava o que iria acontecer comigo. Diferentemente das outras pessoas, eu imaginei que ao assistir o primeiro filme poderia ler a Câmara Secreta sem problemas. Claro que li, mas o que aconteceu era como se eu tivesse uma tela na minha frente, podia ver como um filme passando em minha cabeça, aquilo realmente foi mágico. Depois disso li o primeiro livro, e qual não foi meu espanto em saber o quanto o filme diferenciava do livro, e o quanto este eu podia explorar muito mais, imaginar muito mais, enquanto que a película, era aquilo e pronto(não quero desmerecer o filme, mas livro é sempre livro).
Então fui lendo e acompanhando os lançamentos de cada livro, sempre na expectativa de desvendar aquele mundo mágico e quem sabe receber um dia um convite especial para estudar em Hogwarts, ou podia existir a Universidade de Hogwarts, já que não tenho mais 11 anos, kkkkkkkkkkkkk.
No começo fiquei um pouco nesse mundo de livros de ficção, não saia muito da "redoma" de Harry Potter, devo confessar que não foi fácil começar a ler outros livros, porque afinal de contas eu detestava ler, mas eu não podia ficar ali para sempre. Este tinha sido o meu despertar para a leitura e não podia deixar aquilo morrer. Foi daí então que comecei a ler outros livros, como Código Da Vinci, Mundo de Sofia, Romances Espíritas.
Hoje leio vários livros, mas meus favoritos ainda é o gênero ficção. Tive o grande prazer de estar na Bienal do Livro de São Paulo, ver aquele monte de livros, crianças sentadas no chão, ávidas por ler uma grande aventura. Comprei vários livros, quase paguei excesso de bagagem :P. Mas tudo no final valeu a pena. Minha estante está mais cheia, estou feliz, e agora estou lendo livros da Doutrina Espírita para aprimoramento, e assim que terminar quero ler da Coleção Asas da Bertrand Brasil, que conta história de Fadas, e finalmente minha coleção está completa desse série, estava na espectativa para ter terminada minha coleção\o/.
Bom como vocês podem ver um filme, que desencadeou a curiosidade de ler a continuação, e que dessa forma mudou completamente a minha vida. Para alguns pode até parecer exagero, mas mudou sim, e muito, e com certeza para melhor. A todos aqueles amantes de leitra, estamos juntos. E para aqueles que ainda não aprenderam a gostar de ler, faça como eu, de pouquinho em pouquinho lemos um livro ali, outro acolá e quando se vê, estaremos todos lendo, porque ler é muito bom :D.

O próximo assunto (que não sei quando irei postar)será sobre um anime que marcou a minha infância, atualmente, estão lançando o mangá em versão mais luxuosa.
Aqui vai a dica: LIBERTE-SE.

Kkkkkkkkkkkkk ficou fácil né.

Até mais Yumeiros!!!